16 de ago de 2011

Paulo Coelho

Um ancião índio norte-americano, certa vez, descreveu seus conflitos internos da seguinte maneira:
- Dentro de mim há dois cachorros. Um deles é cruel e mau. O outro é muito bom, e eles estão sempre brigando.
Quando lhe perguntaram qual cachorro ganhava a briga, o ancião parou, refletiu e respondeu:

- Aquele que eu alimento mais frequentemente.

13 de jul de 2011

Billie Joe Armstrong

Existem muitas coisas na vida que você acha que precisa como televisão, revistas, professores dizendo que você tem que ganhar dinheiro e ser bem-sucedido, mas se você tem algum tipo de esperança, algo em que se segurar, então tudo isso não vai mais importar. Se você consegue fazer com que seu próximo dia seja melhor do que o anterior, aí você vai ver que é o que realmente significa e não tudo aquilo que as pessoas acham que você precisa para sua vida. 

11 de jul de 2011

Fernando Pessoa

Não se acostume com o que não o faz feliz, revolte-se quando julgar necessário. 
Alague seu coração de esperanças, mas não deixe que ele se afogue nelas. 
Se achar que precisa voltar, volte! 
Se perceber que precisa seguir, siga! 
Se estiver tudo errado, comece novamente. 
Se estiver tudo certo, continue.
Se sentir saudades, mate-a. 
Se perder um amor, não se perca! 
Se o achar, segure-o! 



1 de jul de 2011

Travel #2

9 de mai de 2011

Travel #1

31 de mar de 2011

Beeshop

Ás vezes, eu chego o mais próximo possível da certeza de que esse monte de coisas que eu tenho pra te dizer são, na verdade, nada. É que boa parte das minhas ações acabam por dizer tantas coisas, que as palavras que saem da minha boca acabam por tornar-se meros coadjuvantes nessa silenciosa conversa que a gente tem, mesmo quando distantes um do outro. Ás vezes eu chego o mais próximo possível da certeza de que esse monte de coisas que eu faço por você significam, na verdade, nada. É que essas palavras que eu despejo aqui acabam por dizer tantas coisas, que as minhas ações acabam por tornar-se meras coadjuvantes, nessa barulhenta gritaria de palavras que a gente faz, mesmo quando rabiscamos sobre o mesmo guardanapo.

15 de jan de 2011

Simple things amaze!


Fotografia: Mário Pereira